• O Vestido

    Jennifer Robson

    Um romance histórico fascinante sobre um dos vestidos de noiva mais famosos da História.


    Um hino à esperança e à amizade num mundo pós-guerra.


    Londres, 1947: A Segunda Guerra Mundial terminou há dois anos e Inglaterra está do lado dos vencedores, mas o país passa por duras adversidades. Quando o Palácio de Buckingham anuncia o noivado da princesa Isabel com o tenente Philip Mountbatten, a nação ganha um novo ânimo. Para Ann Hughes e Miriam Dassin, bordadeiras numa famosa casa de moda, o casamento real é mais do que uma celebração. É uma honra única nas suas vidas, pois foram escolhidas para criar os intrincados bordados que adornarão o vestido da princesa.

    Toronto, 2016: Mais de meio século depois, Heather Mackenzie encontra entre os bens herdados da avó um conjunto de flores bordadas à mão, que se assemelham muito aos motivos do deslumbrante vestido de noiva usado pela, agora, rainha Isabel II, e uma fotografia da avó com Miriam Dassin, uma célebre artista têxtil que sobreviveu ao Holocausto. Ansiando por saber mais sobre o passado da avó e os misteriosos bordados, Heather inicia uma viagem que lhe revelará muito mais do que esperava.

  • Nobody really knows who these men are- men in black dropped off by a helicopter on the outskirts of a small Afghan village; wading through swamps in Croatia, intent on killing a war criminal; who ensure the protection of a Canadian General in Rwanda; who subdue hostage takers in Peru; and who prove, on-site, the Serbian disarmament lies told by President Milosevic.

    DENIS MORISSET was part of the initial sixteen-member Joint Task Force 2 (JTF 2) unit from 1993-2001. His extensive and rigorous training and hardships will make more than one reader realize that his being alive today is nothing short of a miracle. Seven members of his unit have not lived to tell the tale.
    />
    Canada, for good reason, will never render justice to these anonymous combatants whose only medals of bravery are the numerous scars still visible on their bullet-proof vests.

    Unlike the British SAS and the United States' Delta Force, this special Canadian intervention unit was, according to David Rudd of the Canadian Institute of Strategic Studies, trained "to infiltrate into dangerous areas behind enemy lines, look for key targets and take them out. They don't go out to arrest people. They don't go out there to hand out food parcels. They go out to kill targets."

empty